quinta-feira, 17 de março de 2016

Aprovado o modelo integrado de avaliação externa das aprendizagens no Ensino Básico.

COMUNICADO DO CONSELHO DE  MINISTROS DE 17.3.2016
O Conselho de Ministros aprovou o modelo integrado de avaliação externa das aprendizagens no Ensino Básico.
Tal como o Ministro da Educação informou em janeiro, o novo modelo tem como objetivo a promoção do sucesso escolar, devolvendo à Escola a serenidade necessária para que possa focar-se na eficácia das aprendizagens.
Neste sentido, foi anunciado o fim dos exames de 4.º e 6.º anos e a introdução de provas de aferição, como instrumentos de diagnóstico, a meio dos ciclos (2.º, 5.º e 8.º anos), o que permite agir atempadamente na melhoria das aprendizagens.
Depois de ouvidas as entidades legalmente previstas e auscultados os diretores escolares (em sete reuniões por todo o País), o Ministério da Educação entendeu aplicar duas disposições transitórias no corrente ano letivo, indo ao encontro dos contextos específicos de cada escola.
Assim, no presente ano letivo, as escolas que, mediante devida fundamentação, não pretendam a realização das provas de aferição, devem comunicar a decisão ao Júri Nacional de Exames, até ao final de abril. A decisão dos diretores deve ser tomada depois de ouvido o respetivo conselho pedagógico.
Do mesmo modo, as escolas que, durante o corrente ano letivo, pretendam a aferição e obtenção de dados de fim de ciclo, poderão decidir pela realização, com caráter de diagnóstico, das provas de Português e Matemática, nos 4.º e 6.º anos. Para estes casos, a tutela disponibiliza uma matriz de auxílio à sua realização.
O modelo hoje aprovado – que será aplicado de forma universal e obrigatória a partir do ano letivo de 2016-2017 – permite aferir e avaliar, sem perturbar o normal ritmo de aprendizagens dos alunos do ensino básico, sendo o Ministério da Educação sensível à necessidade de possibilitar uma maior flexibilidade na aplicação da aferição, este ano.
Calendário
O Conselho de Ministros aprovou também o calendário de provas do ensino básico 2015-2016 que aqui anexamos.
Calendário de provas do Ensino Básico 2015/2016:
23 de maio a 3 junho

Provas do 4.º ano e 6.º ano – Português e Matemática - a determinar pela Escola.
6 de junho
- prova de aferição de Português e Estudo do Meio do 2.º ano – 10h30;
- prova de aferição de Português do 5.º ano – 10h30;
- prova de aferição de Português do 8.º ano – 14h30.

8 de junho
- prova de aferição de Matemática e Estudo do Meio do 2.º ano – 10h30;
- prova de aferição de Matemática do 5.º ano – 10h30;
- prova de aferição de Matemática do 8.º ano – 14h30.

Prova final do 3.º ciclo do Ensino Básico (nos tempos em que já se realizavam):
17 de junho - 1.ª fase das provas finais de Português do 9.º ano;
21 de junho - 1.ª fase das provas finais de Matemática do 9.º ano;
15 de julho - 2.ª fase das provas finais de Português do 9.º ano;
20 de julho - 2.ª fase das provas finais de Matemática do 9.º ano.
12 de julho - divulgação das notas da 1.ª fase das provas finais de Português do 9.º ano de escolaridade.
5 de agosto - divulgação das notas da 2.ª fase das provas finais de Português do 9.º ano de escolaridade.

Retirado de : http://www.portugal.gov.pt/

 - ACEDER ao Comunicado sobre as Provas de aferição e exames nacionais da Secretaria Regional de Educação, da REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA

Sem comentários: