sábado, 28 de novembro de 2015

Programa do XXI Governo 2015-19



http://app.parlamento.pt/


Combater o insucesso escolar, garantir 12 anos de escolaridade
Investir na educação de adultos e na formação ao longo da vida
Modernizar, qualificar e diversificar o ensino superior

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Manual Capitações de Géneros Alimentícios para Refeições em Meio Escolar


O tema Alimentação em Meio Escolar é fulcral para a Organização Mundial da Saúde (OMS), cujas recomendações indicam a elaboração de legislação nacional de suporte, incrementando o acesso a refeições saudáveis (World Health Organization, 2006). Esta legislação deve incorporar os seguintes pontos: as refeições escolares, a inserção no currículo  das politicas alimentares estabelecidas, as orientações preconizadas na área da alimentação saudável e a respetiva avaliação dos processos (World Health Organization, 2008; 2013).
Em Portugal, a oferta alimentar em meio escolar inclui diferentes programas em vigor, englobando normas e instruções sobre alimentação saudável para os refeitórios escolares.
O cálculo da capitação de um género alimentício constitui a base para, entre outros pressupostos, atender à satisfação das necessidades energéticas e nutricionais e ao estudo da relação entre alimentação e bem-estar, devendo por isso resultar dos conhecimentos científicos a serem convertidos em políticas e estratégias de âmbito nacional e local. A determinação de capitações padronizadas e ajustadas às recomendações alimentares nacionais tem-se mostrado um desafio em contexto de alimentação colectiva.
Além do ponto de vista nutricional, que valoriza a variedade, o equilíbrio e a adequação, a alimentação envolve aspectos como a comensalidade e uma produção e consumo sustentável, questões que reforçam a importância deste tema.
É objetivo do presente documento apresentar uma Lista de Capitações de géneros alimentícios (LCga) para a refeição escolar almoço, adequada aos diferentes grupos etários estabelecidos, com base no conhecimento cientifico atual.
Para além da metodologia inerente à determinação das capitações, este manual possui um glossário que poderá ajudar o utilizador na compreensão de conceitos intrínsecos a este tema.


Biblioteca OPENLIBRA



La idea tras este proyecto es tratar de reunir en un mismo lugar, la mayor cantidad de recursos bibliográficos de calidad prestando un especial interés a aquellos escritos en lengua castellana. De este modo, todo aquel que tenga la necesidad de consultar un libro, o descargárselo tranquilamente para imprimirlo o leerlo en su dispositivo favorito, pueden acceder a este servicio y realizar sus búsquedas de una forma cómoda y categorizada.
Si encuentras entre todo el catálogo algo que te guste, no dudes en cogerlo.
Todos los libros que componen esta biblioteca son libres y, por tanto, son tuyos… son de todos.

Manual de Teorías Emocionales y Motivacionales






Título:
Manual de Teorías Emocionales y Motivacionales
Autor(es):
Francisco Palmero Cantero Cristina Guerrero Rodríguez Consolación Gómez Iñiguez Amparo Carpi Ballester Ricardo Gorayeb
Publicación:
2011
Editorial:
Universitat Jaume I
Núm. Páginas:
281p
Español


terça-feira, 24 de novembro de 2015

A escola e o desempenho dos alunos




Fundação francisco Manuel dos Santos - Mês da Educação
O desempenho dos alunos é uma preocupação de qualquer sistema educativo, para todos os interessados: alunos, professores, pais, escolas e, em última instância, para todo o país. Que notas têm os alunos? Chumba-se muito? Como se compara Portugal com outros países? E qual o papel da escola no desempenho dos alunos?


Todas estas questões foram discutidas com base na investigação mais recente. O debate, que inaugurou o Mês da Educação 2015, contou com a participação de Luís Catela Nunes (Nova School of Business and Economics), Hugo Reis (Banco de Portugal), Ana Balcão Reis (Nova School of Business and Economics), Maria do Carmo Seabra (Nova School of Business and Economics), Maria Eugénia Ferrão (Universidade da Beira Interior), Miguel Portela (Universidade do Minho), David Justino (Conselho Nacional da Educação), Adelino Calado (Agrupamento de Escolas de Carcavelos) e Margaret Raymond (Stanford University, CREDO).

Acolhimento de jovens em instituição



Conferência 'Residential Care for Children and Youth: Relationships, Protection and Growth': Andrew Kendrick, Professor of Residential Child Care, School of Social Work and Social Policy - University of Strathclyde, Glasgow-Scotland | Moderação e Comentários: Daniel Sampaio, Coordenador científico do Programa Crianças e Jovens em Risco, Fundação Calouste Gulbenkian / Mesa Redonda - Desafios ao Acolhimento de Jovens em Instituição | Moderação: Elisabete Caramelo, Diretora do Serviço de Comunicação, Fundação Calouste Gulbenkian | Maria João Leote de Carvalho, Programa Crianças e Jovens em Risco, Fundação Calouste Gulbenkian | Helena Isabel Almeida, Pediatra - Coordenadora do Grupo de proteção de crianças em risco, Diretora Clínica do Hospital Fernando da Fonseca | Paulo Guerra, Juiz desembargador, Diretor adjunto do CEJ | António Santinha, Diretor da “Casa da Fonte” - Santa Casa da Misericórdia de Lisboa | Ana Dias Cordeiro, Jornalista – Jornal Público / Conferência Direitos da Criança – riscos e oportunidades: Marta Santos Pais, Representante Especial do Secretário Geral da ONU sobre Violência contra a Criança | Moderação: Armando Leandro, Comissão Nacional de Proteção de Crianças e Jovens em Risco | Comentários: Ana Nunes de Almeida Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

ORIENTAÇÃO PSICOLÓGICA NAS ESCOLAS

COMUNICADO

A Direção-Geral da Educação (DGE) do Ministério da Educação e Ciência e a Ordem dos Psicólogos Portugueses assinam um protocolo de colaboração no âmbito da Psicologia e Orientação em Contexto Escolar, que prevê a concepção de documentos e materiais de apoio, ações de formação, a realização de estudos de avaliação e de investigação e a organização de um encontro científico anual. A cerimónia decorre a 21 de novembro, pelas 17h00, no auditório da Faculdade de Medicina Dentária de Lisboa.

O documento será assinado pelo Diretor-Geral da Educação, José Vítor Pedroso, e pelo Bastonário da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP), Telmo Mourinho Baptista, no final do III Seminário de Psicologia e Orientação em Contexto Escolar, que decorre desde sexta-feira no Auditório da Faculdade de Medicina Dentária, em Lisboa.

No âmbito do Programa Operacional Capital Humano (POCH), estão programados até 2020 cerca de 30 milhões de euros a aplicar pelo Ministério da Educação e Ciência na contratação, formação e aquisição de materiais no âmbito do trabalho dos psicólogos em contexto escolar, o que permitirá atingir o objetivo de um psicólogo por cada 1100 alunos.

Segundo o protocolo, a Ordem dos Psicólogos e a DGE irão colaborar na produção e identificação dos materiais de apoio a utilizar em contexto escolar, na realização de projetos e estudos, entre outras. A Ordem prestará ainda consultadoria e apoio no âmbito das ações de formação a realizar pela DGE, que passam a ser certificadas pela Ordem. A DGE, por exemplo, compromete-se a colaborar com a OPP na disponibilização de estágios de acesso à ordem-

Fonte:http://www.portugal.gov.pt (de 21.11.2015)

Projeto RESCUR



Rescur é um projeto de três anos LLP Comenius (2012-2015) coordenado pela Universidade de Malta e incluindo a Universidade de Creta (Grécia), Universidade de Lisboa (Portugal), Universidade de Orebro (Suécia), da Universidade de Pavia (Itália), e da Universidade de Zagreb (Croácia).
Destina-se a desenvolver um currículo resiliência para a educação inicial e primária na Europa através da colaboração intercultural e transnacional, aproveitar os recursos e competências dos vários parceiros.
O currículo será desenvolvido com base nas atuais necessidades sociais, econômicas e tecnológicas e desafios dos parceiros envolvidos, e procurar desenvolver nos alunos o conhecimento e as habilidades necessárias para superar tais desafios em suas vidas para alcançar o sucesso acadêmico e social necessária e bem-estar emocional como jovens cidadãos na UE.
Ele vai procurar atender as necessidades das crianças vulneráveis, como crianças ciganas, as crianças com deficiência, crianças superdotadas, e filhos de refugiados, imigrantes e minorias étnicas.
O currículo será testado em um número de escolas em cada país parceiro e do produto final inclui manuais para professores e pais.

Seminário em Portugal a 30 de novembro de 2015 na Faculdade de Motricidade Humana da UL.
Saber mais: http://www.rescur.eu/seminar-portugal

Conteúdos Multimédia para a Educação Pré - Escolar

A Direção de Serviços de Investigação, Formação e Inovação Educacional, através de uma equipa de docentes do Núcleo das Tecnologias Educativas, propôs uma iniciativa, onde o hipermédia assume um papel fulcral: desenvolver e colocar à disposição de educadores de infância, pais, encarregados de educação e público, em geral, aplicações educativas digitais de interesse educativo. O enfoque do projeto resume-se em permitir acesso fácil, rápido e amplo a conteúdos programáticos abordados na Educação Pré-Escolar.
O projeto possibilita, aos demais interessados, o download gratuito das aplicações educativas e respetivo material gráfico, mediante registo no portal Pré-Rom, como também, disponibiliza recursos educativos digitais integrados nas referidas aplicações educativas digitais para consulta e exploração online.
ACEDER: http://pre-rom.educatic.info/

MATERIAIS do II Seminário de Psicologia e Orientação em Contexto Escolar.

Decorreu nos dias 2 e 3 de dezembro, em Lisboa, o II Seminário de Psicologia e Orientação em Contexto Escolar. Participaram 350 psicólogos de escolas públicas e privadas, técnicos de orientação do serviço público de emprego, professores, investigadores e alunos de psicologia. Durante dois dias as problemáticas da psicologia e da orientação foram discutidas nas diferentes vertentes.  Para além de uma abordagem científica, com a participação de académicos e especialistas nacionais e estrangeiros, as sessões paralelas proporcionaram aos participantes espaços de debate e de interação. Mereceram especial atenção as problemáticas relacionadas com a visão europeia da orientação, abordadas por especialistas do Cedefop, da Rede Eurydice e da Agência Europass.
O seminário foi promovido pela DGE e enquadra-se no plano de atividades da Rede Euroguidance.
Slides de apresentações (http://euroguidance.gov.pt/):

domingo, 22 de novembro de 2015

conferência online do PIN "Ansiedade e a sua expressão na infância e adolescência"


"Dia 25 de novembro às 21h, vai realizar-se a primeira conferência online do PIN. O tema desta 1ª conferência é acerca da Ansiedade e a sua expressão na infância e adolescência e teremos como oradores o Dr. Nuno Lobo Antunes, Dra. Maria João Silva e Dra. Ana Beato.
A conferência será transmitida em direto e possibilitará a interacção com todas as pessoas que nos estiverem a ver. Poderão colocar perguntas ou dar as vossa opiniões, ao mesmo tempo que assistem à discussão das mesmas pelos nossos oradores.
O Registo é rápido, simples e grátis. Apenas terá que seguir os passos no link abaixo:

No dia e hora da conferência apenas têm que seguir o link que vos será enviado para o mail e logo estarão connosco.
Contamos Convosco.
PIN - Progresso Infantil" http://pin.com.pt

sábado, 21 de novembro de 2015

Pensamento 74: A INTIMIDADE

“O encontro mais íntimo não é sexual. A verdadeira intimidade acontece entre duas pessoas que vencem o medo de se mostrarem emocionalmente como são.”


Verdade. 
Passa-se a acreditar, com surpresa, que as partes de nós mesmos que escondemos por vergonha ou que julgamos desprezíveis, podem ser aceites. Vencido o medo de se expor, e de depender do outro, a verdadeira intimidade tem na base a confiança mútua e a coragem de enfrentar uma fabulosa oportunidade de desenvolvimento.

O psicanalista António Coimbra de Matos, afirma o mesmo:
“E a sexualidade é apenas um canal para o exercício da intimidade; que não é o único, nem sequer o mais importante. Só os perversos ignoram este dado da realidade porque desconhecem o que é a intimidade” in O desespero Climeps


BOM FIM de SEMANA

Rita Barbosa - vídeo currículo




Rita Barbosa enviou para o P3 do Jornal Publico, "The Victim", o seu "grito de revolta", um vídeo currículo que se seguiu à "relutante procura por um trabalho ou estágio remunerado"
Tenho 21 anos, sou recém-licenciada e, como tal, recém-desempregada." Apresenta-se assim Rita Barbosa, que enviou para o P3 "The Victim", o seu "grito de revolta", um vídeo currículo que se seguiu à "relutante procura por um trabalho ou estágio remunerado" na área de Cinema, a que mais a fascina e que mais dores de cabeça lhe dá. "Após ter ingressado no ensino superior com média de 18,0 valores e de o ter acabado com uma média aproximada de 16, de ter feito um ano Erasmus em cinema em Itália, de ter realizado um estágio curricular de quatro meses no FabLab Lisboa e de ter ganho uma bolsa de estudo da Portuguese American Post-graduate Society para fazer um estágio de Verão no Consulado Português de Nova Iorque, estava confiante de que os actuais problemas de trabalho precário não me afectariam. Boy, was I wrong." Fonte: P3 Publico

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

SUPLEMENTO "Ponto e Vírgula"


Foi publicado na edição desta terça-feira, no Diário de Notícias, o primeiro número do«Ponto e Vírgula». Este suplemento mensal, que resulta de uma parceria entre a EDN e a SRE, vem dar voz às experiências, conhecimentos e expetativas dos alunos da RAM (Região Autónoma da Madeira), concedendo-lhes uma oportunidade única de se darem a conhecer (e à sua escola) à comunidade e à diáspora madeirense, uma vez que o documento é disponibilizado “online”, em  http://www.dnoticias.pt/

terça-feira, 17 de novembro de 2015

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

MELHORAR A ESCOLA



MELHORAR A ESCOLA - SUCESSO ESCOLAR, DISCIPLINA, MOTIVAÇÃO, DIREÇÃO DAS ESCOLAS E POLÍTICAS EDUCATIVAS
Organização Joaquim Machado; José Matias Alves
Universidade Católica do Porto
2014

Aceder em:
http://www.uceditora.ucp.pt/resources/Documentos/UCEditora/PDF%20Livros/Melhorar-a-escola_%20ebook.pdf

Retirado de: http://www.fep.porto.ucp.pt/pt/same (Serviço de Apoio à Melhoria das Escolas)

Projeto “Educação para a Segurança e Prevenção de Riscos”


Publicado em 9 de nov de 2015
Vídeo pedagógico produzido no âmbito do Projeto “Educação para a Segurança e Prevenção de Riscos” na Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos Dr. Alfredo Ferreira Nóbrega Júnior - Camacha.
Este projeto resulta de uma parceria entre a Secretaria Regional de Educação, o Serviço Regional de Proteção Civil, a Associação Insular de Geografia, o Instituto de Administração da Saúde – IA Saúde e o Serviço de Defesa do Consumidor.

O que provoca a resistência às mudanças nas atitudes e a importância das recompensas


Conferência de Ruben Anderson - The Top Ten Myths of Behaviour Change. Com recurso às neurociencias, à psicologia e à economia, Ruben Anderson explica-nos o que provoca a resistência às mudanças nas atitudes e a importância das recompensas..

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

TV Escola



A TV Escola é o canal da educação, a televisão pública do Ministério da Educação destinada aos professores, educadores, alunos e a todos interessados em aprender.
A TV Escola não é um canal de divulgação de políticas públicas da educação, é uma política pública em si, com o objetivo de subsidiar a escola e não substituí-la. E, em hipótese alguma, substituir também ao professor.
A TV Escola não vai “dar aula”, ela é uma ferramenta pedagógica disponível ao professor: seja para complementar sua própria formação, seja para ser utilizada em suas práticas de ensino.
ÁREAS TEMÁTICAS: antropologia; artes; biologia. ciência; matemática; física; educação sexual;  educação física; educação especial; ética ; filosofia; história; geografia; Informática; língua estrangeira; meio ambiente; música, química, saúde; sociologia; literatura...

domingo, 8 de novembro de 2015

EDUCAÇÃO BASEADA EM EVIDÊNCIAS



EDUCAÇÃO BASEADA EM EVIDÊNCIAS: Como saber o que funciona em Educação
Autores: Micheline Christophe Gregory Elacqua Matias Martinez João Batista Araujo e Oliveira
 Instituto Alfa e Beto
2015
Livro disponível em:
http://www.alfaebeto.org.br/ ou aqui
Quão importantes são os fatores familiares para explicar o desempenho dos alunos? Estabelecer sanções para escolas com baixo desempenho contribui para melhorar os resultados? Como formar professores e diretores eficazes?

ACEDER às publicações e E- books  sobre a educação baseada em evidencias na Educação de Infância e em outros contextos educativos, em:
http://www.alfaebeto.org.br/publicacoes/

terça-feira, 3 de novembro de 2015

publicação “A Europa dá as mãos”


Consulte aqui a publicação “A Europa dá as mãos” da autoria de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada: http://www.igfse.pt/

A Psicologia e os seus campos de atuação



NOVO LIVRO DISPONÍVEL NO SITE http://www.redecaps.org/ (leitura integral)

Publicado em 2013 pela Editora Cultura Acadêmica a obra atravessa as fronteiras da Psicologia enquanto núcleo e apresenta uma visão profunda sobre a saúde mental na contemporaneidade por meio de discussões sobre envelhecimento da população, medicalização da infância e da família, assédio moral, consumo, entre outros.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Qualidade.anqep


A ANQEP (organismo que tem como atribuição, entre outras, o acompanhamento, a monitorização, a avaliação e a regulação da oferta de educação e formação profissional de dupla certificação destinada a jovens e adultos) sistematiza, agora, num só instrumento - o site http://www.qualidade.anqep.gov.pt/ - o trabalho já desenvolvido pelo projeto "Garantia da qualidade na educação e formação profissional" com o objetivo de apoiar os operadores de educação e formação profissional na construção de um sistema de garantia da qualidade, alinhado com o EQAVET. 
Não se trata de apresentar uma receita única. Muito pelo contrário, é dada a possibilidade de as escolas adotarem o modelo proposto ou de o adaptarem, considerando as práticas que já possam ter vigentes. 
site em si tem sobretudo a preocupação de garantir a transparência, e de divulgar os instrumentos e as atividades de acompanhamento, verificação e publicação do processo, sempre na linha do que é e deve ser o EQAVET enquanto "cimento da «triangulação» dos instrumentos europeus" (Quadro Europeu de Qualificações, Europass e Sistema Europeu de Créditos do Ensino e Formação Profissionais).

Referencial de Educação Financeira e Caderno para o 1º Ciclo



O Referencial de Educação Financeira para a Educação Pré-Escolar, o Ensino Básico, o Ensino Secundário e a Educação e Formação de Adultos foi aprovado por despacho do Secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, de 30 de maio de 2013.
O Referencial de Educação Financeira para a Educação Pré-Escolar, o Ensino Básico, o Ensino Secundário e a Educação e Formação de Adultos, à luz da estrutura curricular do ensino básico e secundário consagrada no Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho, com alteração introduzida pelo Decreto-Lei n.º 91/2013 de 10 de julho, propõe-se contribuir para a concretização da educação financeira no âmbito: 
  • da dimensão transversal da Educação para a Cidadania; 
  • do desenvolvimento de projetos e iniciativas que contribuam para a formação pessoal e social dos alunos; 
  • da oferta de componentes curriculares complementares, nos 1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico. 
Na página da DGE estão disponíveis o Referencial de Educação Financeira para a Educação Pré-Escolar, o Ensino Básico, o Ensino Secundário e a Educação e Formação de Adultos, Versão Portuguesa e Versão Inglesa, em: http://www.dge.mec.pt/educacao-financeira